Janeiro 12, 2022

Como otimizar as horas de engenharia com o ASSET LIBRARY para System Platform

 


WONDERWARE


Wonderware é o líder mundial em Interface Homem-Máquina (HMI), SCADA e software de gestão de operações em tempo real. As soluções Wonderware permitem a sincronização das operações industriais e de produção com os objectivos comerciais para alcançar rapidez, flexibilidade e rentabilidade. O software Wonderware permite reduções de custos na concepção, construção, implementação e manutenção de aplicações de operações industriais robustas.


AVEVA Asset Library para System Platform é um conjunto de Templates System Platform que servem para modelar os componentes básicos normalmente encontrados nos processos de produção de uma fábrica. Nesta publicação contamos-lhe tudo sobre estes e também lhe fornecemos o formulário para descarregar as bibliotecas e o seu manual do utilizador.

Estes elementos básicos em que se decompõe uma fábrica são habitualmente:

  • Instrumentos de medição e regulação.
  • Válvulas e comportas para controlar a passagem de fluidos.
  • Equipamentos, tais como bombas e agitadores.

Todos estes elementos têm variantes:

Por exemplo, as válvulas podem ou não ter retroalimentação de posição ou podem contar com dispositivos acionadores digitais ou analógicos.

Do mesmo modo, o equipamento é normalmente acionado por um motor. Um motor pode ser acionado digitalmente com um contactor ou através de um conversor de frequência, com o qual a velocidade do motor pode ser alterada.

Por outro lado, os instrumentos de medição podem ser usados simplesmente para medir uma determinada grandeza através de um transdutor. Mas um instrumento pode também incluir um regulador. Neste caso, para além de medir essa grandeza, deve também ser controlado através de um dispositivo acionador. A missão do instrumento regulador é estabilizar a medição da grandeza e assegurar que a medição esteja próxima do ponto de referência exigido pelo processo. Para tal, o regulador calcula a intensidade com que o dispositivo eletromecânico que foi criado no processo deve atuar a fim de alterar a grandeza a regular. Os objetos deste tipo também podem ser configurados para incluir alarmes. Estes alarmes podem ser avaliados no PLC (Field Extended) ou no System Platform (Built-in). Os alarmes que podem ser utilizados são: Limite alto, Limite muito alto, Limite baixo, Limite muito baixo, Desvio inferior, Desvio superiro e Taxa de variação. Através dos parâmetros de configuração é possível decidir quais destes devem ser utilizados ou não.

Estas três classes de elementos: Válvulas, Equipamento e Instrumentos são os elementos de base nos quais se classificam os elementos envolvidos num processo de produção.

Derivados de cada um dos três tipos, obtêm-se elementos que desempenham funções mais específicas. Para gerir esta diversidade de funcionalidades, o Asset Library usa as capacidades mais avançadas dos Templates System Platform. Utilizam os Wizards de Choices and Options dos Templates do System Platform. Da mesma forma, usam como base para a sua representação os Industrial Graphics da biblioteca AVEVA Situational Awareness. Esta biblioteca foi concebida para representar os objetos básicos de um processo de produção. Além disso, estes gráficos são também altamente configuráveis, de modo que é possível ajustar o seu aspeto às necessidades de cada desenvolvimento.

É importante salientar que esta biblioteca é uma ferramenta gratuita para os utilizadores da System Platform.

Esta ferramenta está aberta para modificação por parte do programador. É claro que um integrador pode desenvolver a sua própria biblioteca, mas a possibilidade de ter esta ferramenta pode acelerar o desenvolvimento de uma nova aplicação para a System Platform. Esta ferramenta ajudará especialmente os integradores da System Platform menos experientes que ainda não tenham construído a sua própria biblioteca. Pode também ser utilizada como ponto de partida para desenvolver a sua própria biblioteca, sem ter de começar a partir de uma página em branco.

Outra vantagem de utilizar esta biblioteca é o facto de o estilo de visualização ser homogéneo para todos os Objetos. Por outro lado, estando o Asset Library baseado em gráficos de Situational Awareness, tira partido da animações com Element Styles do System Platform. Esta característica permite alterar o aspeto de toda a aplicação de forma homogénea, fazendo alterações apenas nos Element Styles, sem necessidade de alterar os gráficos.

Segue-se uma captura de ecrã de uma aplicação que mostra uma variedade de elementos do Asset Library:

No entanto, isto é apenas uma pequena amostra, pois cada um destes elementos permite ajustar o seu aspeto e funcionalidade de uma forma muito simples. Assim, pode rapidamente incluir ou excluir funcionalidades.

Tenha em atenção que nesta amostra foi utilizada a biblioteca de Estilo Blue Denim, na qual os elementos gráficos neutros utilizam como cor de base o azul. Alterando apenas a definição da biblioteca de estilos, pode alterar o aspeto em todos os gráficos.

A seguir, seguem-se exemplos de janelas de Faceplates para um dos elementos de cada uma das três tipologias.

As imagens seguintes são da Faceplate de um agitador, que é um elemento do tipo (Equipment). Esta faceplate usa três separadores. É mostrada uma captura para cada um dos separadores:

 

A seguinte faceplate corresponde ao PID de uma grandeza de tipo nível, este elemento é de tipo (Instrument). Tem também três separadores.

Finalmente, a faceplate de uma válvula de 2 vias. Este elemento é do tipo (Valve). Neste caso, a faceplate utiliza apenas um separador.

 

Os objetos gráficos estão inseridos nos Templates da biblioteca com ligações. Desta forma, o seu desempenho é otimizado para que exijam menos uso de memória. Além disso, a utilização de Choices and Options nos Templates também otimiza o funcionamento reduzindo o uso de memória e acelerando a distribuição dos objetos. Isto porque com o uso de Choices and Options apenas é necessário distribuir os Atributos do objeto que estão realmente a ser utilizados, aqueles que foram desativados com as opções deixam de estar presentes na instância e, assim, não consomem nem memória nem tempo de distribuição.